Samsung revela primeiros detalhes do Exynos 9810, que deve aparecer no Galaxy S9

A Samsung costuma preparar um novo chip Exynos para usar na linha Galaxy S e Galaxy Note. A próxima geração desses smartphones deve trazer o processador Exynos 9810, que a empresa confirmou oficialmente esta semana.

Os detalhes ainda são escassos. O Exynos 9 Series 9810 tem núcleos de CPU personalizados de 3ª geração, e chip gráfico atualizado. Ele pode estar usando uma GPU Mali-G72 (contra o Mali G-71 de seu antecessor), com desempenho até 40% maior graças à arquitetura Bifrost.

A Samsung está usando aqui um processo de fabricação de 10 nanômetros. Ela disse anteriormente que seu processo de fabricação de chips FinFET de 8 nanômetros já estava pronto, mas não vai usá-lo para o novo Exynos.

Além disso, o sistema-em-um-chip inclui um modem Gigabit LTE que atinge até 1,2 Gb/s de download, permitindo baixar um filme inteiro em HD dentro de dez segundos.

Ele é o primeiro a integrar a tecnologia 6CA, isto é, agregação de seis canais. Isso combina várias faixas de frequência na mesma estação rádio-base (como 700 MHz e 1.800 MHz), melhorando a velocidade e também a estabilidade do download — seus arquivos virão mais rápido, sem engasgos bruscos.

Claro, essa velocidade teórica pode ser difícil de alcançar na vida real: por exemplo, só temos três frequências no 4G brasileiro para agregação de canais (700 MHz, 1.800 MHz e 2.600 MHz).

A Samsung revelou o Exynos 9810 em um comunicado à imprensa sobre os prêmios (já) recebidos da feira CES 2018. Ela também menciona o sensor de imagem ISOCELL Slim 2X7 com 24 megapixels: ele pode ser instalado em um módulo de câmera mais fino graças aos pixels de apenas 0,9 μm.

Com informações: Samsung, GSMArena.

Samsung revela primeiros detalhes do Exynos 9810, que deve aparecer no Galaxy S9


Tecnoblog

SHARE